Acesse:

Compartilhe:

Torneio Olímpico de Futebol

A única modalidade esportiva dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 com partidas fora do Rio de Janeiro é futebol. O objetivo é espalhar o espírito olímpico pelo país com a realização de 58 partidas em diferentes regiões.

O Torneio Olímpico de Futebol será disputado em outras cinco cidades, além de Belo Horizonte: Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Manaus e Brasília. O Mineirão receberá um total de dez jogos que serão realizados nos dias 03, 06, 10 – em rodadas duplas -, 12, 13, 16 e 20 de agosto. Serão seis jogos femininos e quatro masculinos, incluindo a disputa pela medalha de bronze. Ao todo, 16 países vão disputar o torneio masculino e 12, o feminino.

Em Belo Horizonte, serão realizadas seis partidas na primeira fase: quatro femininas e duas masculinas.
Entre as equipes femininas que passarão por Minas Gerais, destaca-se a presença da Seleção dos Estados Unidos, tetracampeã olímpica (1996, 2004, 2008 e 2012), para enfrentar a Nova Zelândia no dia 03 de agosto.

Entre os times masculinos, no dia 10 de agosto a Alemanha retorna à capital mineira pela primeira vez após a Copa do Mundo para enfrentar a Seleção de Fiji, com a intenção de repetir o bom resultado obtido em 2014.

Saiba mais...

Tour da Tocha

O revezamento começa 100 dias antes da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016 em Olímpia, na Grécia. De lá, a chama Olímpica viaja até o Brasil, onde começa a trilhar o seu caminho rumo ao Rio de Janeiro, sua parada final. A essência do revezamento é passar a chama Olímpica de um condutor da tocha para outro, envolvendo todo o país no clima dos Jogos. De lá, passará por cidades gregas durante uma semana até chegar à capital Atenas —cidade-berço dos Jogos Olímpicos, quando então segue para o Brasil de avião, desembarcando no início de maio no Distrito Federal.

Em Minas Gerais o percurso começa no dia 7 de maio e passará por mais de 30 cidades. O circuito foi definido pelo governo federal levando em conta critérios logísticos, turísticos e culturais. Além de envolver o povo brasileiro no aquecimento para os Jogos Olímpicos de 2016, a ideia do revezamento é contar histórias de todos os lugares do Brasil e servir como um legado de inspiração para as gerações futuras.

Saiba mais...

Núcleo de articulação

Atrair delegações para treino e aclimação em solo mineiro, sediar o Torneio Olímpico de Futebol e o Tour da Tocha são as três grandes frentes de trabalho do Núcleo de Articulação Minas 2016, grupo intersetorial criado, em 15 de abril de 2015, pelo governador Fernando Pimentel, com o objetivo de realizar as ações necessárias para sediar os eventos associados às Olimpíadas. Coordenado pelo Secretario de Estado de Esportes, Carlos Henrique, o Núcleo congrega ao todo 16 secretarias e órgãos do Governo de Minas Gerais (secretarias de estado de Governo, Planejamento e Gestão, Turismo, Educação, Cultura, Transportes e Obras Públicas, Desenvolvimento Econômico, Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Desenvolvimento Social, da Subsecretaria de Comunicação e da Governadoria, além de um representante do Grupo Interinstitucional de Proteção Pública).

– Faz parte das atribuições do Núcleo atender às solicitações do Comitê Olímpico Internacional (COI) e cooperar com a Autoridade Pública Olímpica, com o Comitê Organizador Rio 2016, além dos demais comitês e delegações olímpicas.

– A grande diretriz e expectativa é levar os eventos associados aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos o mais próximo da população e com o menor gasto possível. Assim, o objetivo é assegurar a bem sucedida realização dos eventos, aproximando territórios, desenvolvendo social, esportiva e culturalmente o Estado de Minas Gerais.

Saiba mais...

Delegações Confirmadas

Saiba mais...