Acesse:

Compartilhe:

Delegações Confirmadas

Minas Gerais é o único estado brasileiro a criar um programa para atendimento e captação de delegações estrangeiras para sediarem seus treinamentos, antes e durante os Jogos Olímpicos Rio 2016, em território mineiro.

A captação das delegações começou com o mapeamento das estruturas esportivas em padrão internacional pela Secretaria de Estado de Esportes de Minas Gerais (SEESP/MG), acompanhado da análise de fornecimento de infraestrutura no entorno dos centros, como oferta da rede hoteleira e acessos por via terrestre e área.

Tal trabalho realizado para dar suporte ao trabalho de captação de delegações nacionais e estrangeiras para treinarem e fazerem a aclimatação em solo mineiro também configura-se como uma vitrine para o estado atrair grandes eventos esportivos nacionais e internacionais.

Já a captação de delegações favorece a difusão do referencial esportivo mineiro para o Brasil e o mundo; o desenvolvimento de políticas públicas e parcerias para que esses espaços abram suas portas para a sociedade; atrai atletas para os clubes locais; melhora a infraestrutura para os atletas mineiros; permite a formatação de legados sociais, culturais e técnico-científicos da cadeia esportiva; despertar o interesse dos jovens para diferentes modalidades, etc.

Esse mapeamento foi incluído em cartilhas e outros materiais de suporte e distribuído de forma física (impresso) e virtual a corpos consulares e em eventos, como o Seminário de Chefes de Missão para Comitês Olímpicos Nacionais (CONs) promovido pela Comitê Organizador Rio 2016, no qual o Núcleo de Articulação Minas 2016 abordou diretamente no mínimo 100 comitês olímpicos e paralímpicos.

Minas Gerais tem mapeado até o momento 25 centros de treinamentos (CTs) que atendem aos padrões do Comitê Olímpico Internacional e, portanto, estão aptos a receber delegações para a preparação antes e durante os Jogos Olímpicos nas seguintes modalidades: atletismo, basquete, basquete em cadeira de rodas, canoagem, esgrima, futebol, futebol de 5, ginástica artística, ginástica de trampolim, handebol, hipismo, judô, levantamento de peso, natação, rugby em cadeira de rodas, tênis, tênis em cadeira de rodas, vôlei de praia e voleibol. Desses 25 CTs, 16 foram visitados pelo Comitê Organizador Rio 2016. Os centros de treinamento estão divididos em doze municípios: Barbacena, Belo Horizonte, Governador Valadares, Juiz de Fora, Lagoa Santa, Nova Lima, Poços de Caldas, Santa Luzia, São Sebastião do Paraíso, Uberlândia, Varginha e Viçosa.

E os resultados da iniciativa são tão positivos que até a província de Yamanashi, vizinha da próxima sede das Olimpíadas – Tókyo (Japão) – buscou o governo de Minas Gerais para aprofundar seus conhecimentos sobre esse projeto. Eles também querem ampliar a participação da província na maior competição esportiva do mundo.